FANDOM


m (O Fim: link)
Linha 21: Linha 21:
 
=== [[O Fim]] ===
 
=== [[O Fim]] ===
   
Kit reapareceu n'[[O Fim]], após chegar na [[A Ilha|ilha]] em um ''vaporetto'' feito de livros. Ela conta aos irmãos Baudelaire que havia saído em uma missão no submarino ''[[Queequeg]]'', junto do [[capitão Andarré]], [[Fernald]], [[Fiona Andarré|Fiona]], [[Phil]], [[Ink]] e [[Quigley Quagmire]], para tentar localizar o [[Casa móvel auto-sustentável a ar quente|balão a ar quente]] onde estavam [[Hector]], e [[Duncan Quagmire|Duncan]] e [[Isadora Quagmire]]. O balão móvel infelizmente foi atacado por águias de C.S.C. e caiu em cima do submarino ''Queequeg'', deixando ambos destruídos. Logo, todos foram sugados para dentro d'[[O Grande Desconhecido]], e apenas Kit e Ink conseguiram se salvar, pois Kit usou uma [[Construção por Seleção de Cacos|técnica]] para construir o ''vaporetto''.
+
Kit reapareceu n'[[O Fim]], após chegar na [[A Ilha|ilha]] em um ''vaporetto'' feito de livros. Ela conta aos irmãos Baudelaire que havia saído em uma missão no submarino ''[[Queequeg]]'', junto do [[capitão Andarré]], [[Fernald]], [[Fiona]], [[Phil]], [[Ink]] e [[Quigley Quagmire]], para tentar localizar o [[Casa móvel auto-sustentável a ar quente|balão a ar quente]] onde estavam [[Hector]], e [[Duncan Quagmire|Duncan]] e [[Isadora Quagmire]]. O balão móvel infelizmente foi atacado por águias de C.S.C. e caiu em cima do submarino ''Queequeg'', deixando ambos destruídos. Logo, todos foram sugados para dentro d'[[O Grande Desconhecido]], e apenas Kit e Ink conseguiram se salvar, pois Kit usou uma [[Construção por Seleção de Cacos|técnica]] para construir o ''vaporetto''.
   
 
Kit passou todo o tempo fraca e machucada, e acabou morrendo no final, após dar à luz a sua filha, que recebeu o mesmo nome da mãe dos irmãos Baudelaire, Beatrice. Quando Kit e o conde Olaf estavam morrendo devido à ingestão do veneno [[Mycelium Medusóide]], eles recitam juntos um curto poema. Ela foi supostamente enterrada perto de conde Olaf. Violet, Klaus, Sunny e a filha Beatrice costumavam visitar seu túmulo e rapidamente ver o de Olaf, até serem abandonados na ilha quando os órfãos Baudelaire e Beatrice foram embora.
 
Kit passou todo o tempo fraca e machucada, e acabou morrendo no final, após dar à luz a sua filha, que recebeu o mesmo nome da mãe dos irmãos Baudelaire, Beatrice. Quando Kit e o conde Olaf estavam morrendo devido à ingestão do veneno [[Mycelium Medusóide]], eles recitam juntos um curto poema. Ela foi supostamente enterrada perto de conde Olaf. Violet, Klaus, Sunny e a filha Beatrice costumavam visitar seu túmulo e rapidamente ver o de Olaf, até serem abandonados na ilha quando os órfãos Baudelaire e Beatrice foram embora.

Edição das 18h42min de 28 de maio de 2012

Kit Snicket

Kit Snicket é a irmã de Jacques e Lemony, filha de Jacob e da sra. Snicket, e neta de Charles Snicket. Ela teve uma filha com Dewey Dénouement chamada Beatrice. Kit foi uma voluntária de C.S.C., tinha um bom coração e sempre ajudava as pessoas.

Biografia

Tinha um rosto bondoso, mas havia rugas de preocupação na sua testa, e ela parecia não estar dormindo direito há um bom tempo. Seus cabelos eram compridos e embaraçados, e havia dois lápis espetados no meio deles em ângulos bizarros. Kit usava um casaco preto muito elegante, abotoado até o queixo, mas na lapela havia uma flor que já vira dias melhores. [...] Se alguém tivesse perguntado aos Baudelaire sobre a condição de Kit, eles teriam dito que ela parecia uma mulher que passara por muitos sofrimentos.[1]

Antes de A Gruta Gorgônea

Kit Snicket tinha quatro anos quando a cisão afetou C.S.C. Quando ficou mais velha, ela desempenhou um papel importante no lado voluntário de C.S.C. É sugerido que uma vez ela teve um romance com o conde Olaf antes de se apaixonar pelo seu companheiro voluntário Dewey Dénouement. Kit lutou bravamente contra a destruição da Aquáticos Anwhistle, fundada pelo falecido Gregor Anwhistle. Acredita-se que o incêndio tenha sido provocado por Fernald, um capanga de Olaf.

A Gruta Gorgônea

Kit apareceu pela primeira vez na série no final do décimo primeiro livro, A Gruta Gorgônea. Ela foi vista quando esperava em um táxi os irmãos Violet, Klaus e Sunny Baudelaire na Praia de Sal.

O Penúltimo Perigo

Em O Penúltimo Perigo, é revelado que ela estava levando os Baudelaire de táxi para uma reunião no Hotel Desenlace, onde ela lhes daria uma missão. Nessa época, ela estava grávida de (agora falecido) Dewey e fica implícito que eles se casaram.

O Fim

Kit reapareceu n'O Fim, após chegar na ilha em um vaporetto feito de livros. Ela conta aos irmãos Baudelaire que havia saído em uma missão no submarino Queequeg, junto do capitão Andarré, Fernald, Fiona, Phil, Ink e Quigley Quagmire, para tentar localizar o balão a ar quente onde estavam Hector, e Duncan e Isadora Quagmire. O balão móvel infelizmente foi atacado por águias de C.S.C. e caiu em cima do submarino Queequeg, deixando ambos destruídos. Logo, todos foram sugados para dentro d'O Grande Desconhecido, e apenas Kit e Ink conseguiram se salvar, pois Kit usou uma técnica para construir o vaporetto.

Kit passou todo o tempo fraca e machucada, e acabou morrendo no final, após dar à luz a sua filha, que recebeu o mesmo nome da mãe dos irmãos Baudelaire, Beatrice. Quando Kit e o conde Olaf estavam morrendo devido à ingestão do veneno Mycelium Medusóide, eles recitam juntos um curto poema. Ela foi supostamente enterrada perto de conde Olaf. Violet, Klaus, Sunny e a filha Beatrice costumavam visitar seu túmulo e rapidamente ver o de Olaf, até serem abandonados na ilha quando os órfãos Baudelaire e Beatrice foram embora.

Referências

  1. p. 18, O Penúltimo Perigo
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.