FANDOM


Conde Olaf

Conde Olaf é o principal antagonista e vilão de Desventuras em Série. Olaf ganhou notoriedade por conta de numerosos incêndios, os irmãos Baudelaire acreditava que ele pode ter causado o incêndio na mansão Baudelaire que matou seus pais, mas ele não confirmou nem negou quando confrontado[1].

O Conde Olaf é dito ser um parente distante dos irmãos Violet, Klaus e Sunny Baudelaire e foi o primeiro tutor deles após a morte de seus pais. Ele tem uma fixação quase inexplicável pela herança dos Baudelaire, e seguiu-os com seus planos onde quer que eles fossem. As características mais marcantes de Olaf são a sua sobrancelha única e uma tatuagem do olho C.S.C. em seu tornozelo. Ele emprega suas habilidades de atuação em vários disfarces em suas tramas. Seus disfarces geralmente fazem muito pouco além de cobrir a sobrancelha e tatuagem, que é suficiente para enganar a todos menos os órfãos Baudelaire, que são capazes de reconhecer suas características, tais como a voz ofegante e os olhos brilhantes, mas os outros não percebem esses sinais, e praticamente ninguém acredita quando os Baudelaire os alertam.

Biografia

Os órfãos Baudelaire são enviados para morar com o Conde Olaf, seu parente mais próximo geograficamente, após um incêndio misterioso ter destruído sua casa e matado seus pais. O envolvimento de Olaf no incêndio foi suspeitado muito tempo pelos Baudelaire. Quando eles finalmente o confrontaram acusando-o de lhe iniciar o fogo, Olaf não pareceu surpreso com a acusação, e perguntou-lhes "É isso que vocês pensam?". Se isto é uma negação quanto ao envolvimento no incêndio ou significa outra coisa, é desconhecido.

Ele planejou assumir o controle sobre a fortuna. Quanto o órfão mais velho, no caso Violet, fizesse 18 anos, toda a fortuna da família Baudelaire estaria nas mãos dele.

Olaf era um ator e tinha todo um grupo de "associados", que os chamava de "trupe teatral". Ele escreveu suas próprias peças, sob o pseudônimo "Al Funcoot"(um anagrama de Count Olaf, em inglês).

Durante o tempo em que os Baudelaire viveram com ele, as crianças imediatamente viram Olaf como um homem de pavio curto e violento. Olaf forneceu-lhes um quarto sujo e nojento, com uma só cama para os três. Também forçou-os a fazer um monte de tarefas difíceis (como fazê-los cortar madeira somente para sua própria diversão). Olaf uma vez bateu em Klaus, irritado porque queria rosbife em vez do macarrão ao molho puttanesca que eles fizeram.

Mais tarde, Olaf fez as crianças participarem de um teatro em que Violet interpretou uma mulher que se casou com o personagem interpretado por Olaf. As crianças descobriram que Olaf estava usando o teatro para disfarçar o fato de que o casamento seria juridicamente legal, e que ele teria o controle sobre a fortuna uma vez que a cerimônia de casamento estivesse completa. Para garantir que as crianças cooperassem com o plano, Olaf raptou Sunny e a deixou amarrada em uma gaiola, e pendurada do lado de fora de sua janela da torre, ameaçando matá-la se as crianças se recusassem.

O plano de se casar com Violet Baudelaire para ter o controle da herança deu errado. Violet conseguiu frustrar o plano de Olaf, assinando o casamento com a mão esquerda em vez da direita, e como ela era destra, a assinatura não preenchia os requisitos das leis nupciais. Olaf foi exposto como um criminoso e fugiu, mas não antes de prometer a Violet que ele iria colocar as mãos na fortuna, não importa o que acontecesse e em seguida mataria ela e seus irmãos com as próprias mãos. Os Baudelaire pensaram que fossem ficar com a Juíza Strauss, que os ajudou muito, mas foram enviados para parentes distantes, com Olaf os perseguindo sem parar.

Os planos do Conde Olaf foram se tornando muito mais perigosos e maléficos depois disso. Muitos deles incluíram o assassinato dos responsáveis ​​pelas crianças na época, como o tio Monty e a tia Josephine. Suas tramas também incluíam, geralmente, incêndios, como o Hotel Desenlace, e Parque Caligari. Seus planos eram muitas vezes complicados e em muitos Olaf tentou obter legalmente a guarda dos órfãos novamente. Mais tarde, ele queria simplesmente raptar um dos órfãos, assassinar os outros dois, e utilizar o sequestrado para chantagear o sr. Poe para ele dar-lhe a fortuna. Independentemente de suas táticas, os planos foram sempre visando o objetivo de sequestrar as crianças através de métodos elaborados e engenhosos.

À primeira vista, Olaf só demostrou que queria o dinheiro das crianças, no entanto, mais tarde é revelado que ele também desejou as safiras Quagmire, o Dossiê Snicket, e o açucareiro, embora seja mostrado repetidamente que ele têm maior interesse na fortuna Baudelaire do que em qualquer um desses outros tesouros.

Aparência

Ele era muito alto e muito magro, e vestia um terno cinzento com várias manchas escuras. O rosto estava sem barbear e, no lugar das duas sobrancelhas que a maioria dos seres humanos possui, tinha uma única, bem comprida. Seus olhos brilhavam intensamente, o que lhe dava uma aparência de faminto e zangado ao mesmo tempo.

Olaf é descrito como alto, magro e "ainda por cima fedorento". A falta de higiene do Conde Olaf é bastante frequente e ele menciona que muitas vezes ele fica dez dias sem tomar banho. Ele tem cabelo despenteado, sujo, uma barba cavanhaque e um nariz um tanto adunco.

Suas outras características distintivas incluem os olhos brilhantes que assustam os Baudelaire, pele pálida, uma monocelha, e uma tatuagem de um olho em seu tornozelo que é uma marca dos membros de C.S.C., a organização à qual pertencia antes de se tornar o que ele descreve como "um praticante individual".

Disfarces

Olaf sempre enganava os tutores dos Baudelaire ou qualquer pessoa que estava por perto, usando seus muitos disfarces. Um ou dois de seus capangas, normalmente também apareciam disfarçados, acompanhando-o e ajudando na execução de seus planos. O Conde Olaf às vezes é chamado de "Conde Omar" erroneamente. A seguinte é uma lista seus disfarces principais.

Nos cinemas

Conde Olaf Jim Carrey

Conde Olaf no filme, interpretado por Jim Carrey.

No filme Desventuras em Série, o Conde Olaf é interpretado por Jim Carrey. Entretanto, no filme ele é um pouco diferente dos livros: continua sendo mau, mas também é humorístico. A tatuagem em seu tornozelo muda também, não tem nada a ver com a inicial de C.S.C., parece um simples olho. No filme também foi declarado diretamente que foi Olaf quem iniciou o incêndio na mansão dos Baudelaire, algo deixado ambíguo nos livros.

Referências

  1. Em O Fim, sua resposta à acusação dos Baudelaire é simplesmente "É isso que vocês pensam?"
  2. A Sala dos Répteis
  3. O Lago das Sanguessugas
  4. Serraria Baixo-Astral
  5. Inferno no Colégio Interno
  6. O Elevador Ersatz
  7. Cidade Sinistra dos Corvos
  8. O Hospital Hostil
  9. O Fim
  10. Mau Começo
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.