FANDOM


Cadeia central
Informações do lugar
Tipo

Cadeia

Localização

Cultores Solidários de Corvídeos

Destino

Desconhecido

A cadeia central localiza-se na cidade dos Cultores Solidários de Corvídeos, e foi vista pela única vez no sétimo livro, A Cidade Sinistra dos Corvos.

Ela é descrita como uma prisão escura, cuja única iluminação era uma minúscula janela com grades no alto de cada cela. Ela tinha vários corredores e curvas, e cada cela era mais suja que a outra.

Depois de os cidadãos da cidade acharem que ele era o conde Olaf, Jacques Snicket foi mantido preso nesta cadeia por Esmé Squalor e conde Olaf (disfarçados como a oficial Luciana e o detetive Dupin, respectivamente). Ele ficou preso durante uma noite, e seria queimado na fogueira no dia seguinte. No entanto, o verdadeiro conde Olaf o assassinou e colocou a culpa nos irmãos Baudelaire.

Por causa disso, os Baudelaire também ficaram presos na cadeia, mas Violet Baudelaire notou que os tijolos da parede eram unidos com argamassa, e ela e seus irmãos Klaus e Sunny passaram a noite inteira amolecendo a argamassa com água. No final, eles conseguiram escapar da prisão.

Cela de Luxo Editar

A Cela de Luxo era uma das celas da cadeia central. Ela ficava no final dos corredores, e era a cela mais imunda de todas. A única mobília da Cela de Luxo era um banquinho de madeira. Os irmãos Baudelaire ficaram nesta cela, quando foram acusados pela morte de Jacques Snicket.

Aparições Editar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.